Projeto Jordão – 01/08/14 – Preparem o caminho do Senhor

Compartilhe -

A Palavra nos exorta a respeito da necessidade de preparação para a volta de Cristo. Ontem aprendemos que nós fomos chamados para ser um atalaia. Hoje vamos conversar sobre preparar o caminho do Senhor. Esta é uma expressão que encontramos na Palavra e tem uma importância ímpar nos Últimos Dias.

Abra a Bíblia em Isaías 40:3:

“Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor; endireitai no ermo vereda a nosso Deus.”

Outra tradução diz:

 “Eis a voz do que clama: Preparai no deserto o caminho do Senhor; endireitai no ermo uma estrada para o nosso Deus.”

O que é esta voz que clama no deserto? É o atalaia!

Que estrada, que caminho é este que deve ser preparado para a vinda de Jesus? Jeremias nos esclarece mais um pouco (Jeremias 5:4):

“Eu, porém, disse: Deveras estes são pobres; são loucos, pois não sabem o caminho do Senhor, nem o juízo do seu Deus.” (Almeida)

“Pensei: Esses são apenas pobres e ignorantes, não conhecem o caminho do Senhor, as exigências do seu Deus.”(NVI)

Deus tem exigências. Ele traçou um caminho para que andemos nele. Precisamos endireitar os nossos passos no caminho traçado por Deus, quanto mais quando vai se aproximando aquele dia.

Veja o que diz 1 Tessalonicenses 3:13:

“(…) para que sejais irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus Cristo com todos os seus santos.”

E ainda 1 Tessalonicenses 5:23:

“E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.”

Mas existe um padrão de santidade? Sim, a princípio, o exemplo é Jesus. Mas você pode me dizer: Jesus é Deus, nenhuma outra pessoa consegue ser santo assim, ninguém conseguiria atender integralmente às exigências de Deus.

Eu preciso te dizer que sim, é possível atender às exigências de Deus, ao padrão de Deus sobre o que seja se preparar para a volta de Cristo! A Palavra nos dá exemplos e um destes exemplos é João Batista.

Encontramos algumas informações preciosas sobre ele em Lucas 3:2-18.

veio a palavra de Deus a João, filho de Zacarias, no deserto. E ele percorreu toda a circunvizinhança do Jordão, pregando o batismo de arrependimento para remissão de pecados; como está escrito no livro das palavras do profeta Isaías: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor; endireitai as suas veredas. Todo vale se encherá, e se abaixará todo monte e outeiro; o que é tortuoso se endireitará, e os caminhos escabrosos se aplanarão; e toda a carne verá a salvação de Deus. João dizia, pois, às multidões que saíam para ser batizadas por ele: Raça de víboras, quem vos ensina a fugir da ira vindoura? Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento; e não comeceis a dizer em vós mesmos: Temos por pai a Abrão; porque eu vos digo que até destas pedras Deus pode suscitar filhos a Abrão. Também já está posto o machado à raiz das árvores; toda árvore, pois, que não produz bom fruto, é cortada e lançada no fogo. Ao que lhe perguntavam as multidões: Que faremos, pois? Respondia-lhes então: Aquele que tem duas túnicas, reparta com o que não tem nenhuma, e aquele que tem alimentos, faça o mesmo. Chegaram também uns publicanos para serem batizados, e perguntaram-lhe: Mestre, que havemos nós de fazer? Respondeu-lhes ele: Não cobreis além daquilo que vos foi prescrito. Interrogaram-no também uns soldados: E nós, que faremos? Disse-lhes: A ninguém queirais extorquir coisa alguma; nem deis denúncia falsa; e contentai-vos com o vosso soldo. Ora, estando o povo em expectativa e arrazoando todos em seus corações a respeito de João, se porventura seria ele o Cristo, respondeu João a todos, dizendo: Eu, na verdade, vos batizo em água, mas vem aquele que é mais poderoso do que eu, de quem não sou digno de desatar a correia das alparcas; ele vos batizará no Espírito Santo e em fogo. A sua pá ele tem na mão para limpar bem a sua eira, e recolher o trigo ao seu celeiro; mas queimará a palha em fogo inextinguível. Assim pois, com muitas outras exortações ainda, anunciava o evangelho ao povo.”

1 – depois que a Palavra de Deus veio a ele, ele começou a pregar e ser atalaia.

2 – ele vivia separado, no deserto, as pessoas iam até ele, porque sabiam que encontrariam exortação e sabedoria vinda do alto.

3 – no centro de sua mensagem estava a necessidade de se arrepender e mostrar com as atitudes que de fato houve  arrependimento.

4 – o atalaia alinha o seu discurso ao de Deus/Jesus: “Desde então começou Jesus a pregar, e a dizer: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.” Mateus 4:17.

5 – a exortação de João estava ligada à vida prática de cada um (pessoa comum, cobrador, soldado…)

6 – embora ele tenha sido chamado pela Palavra de profeta do altíssimo e tenha experimentado o poder de Deus, ele era humilde e colocava o foco em Jesus. “É necessário que ele cresça e que eu diminua”. (João 3:25-30)

Todos seremos julgados conforme o que fizemos no caminho. Oséias 14:9 diz assim:

“Quem é sábio, para que entenda estas coisas? Quem é prudente, para que as saiba? Porque os caminhos do Senhor são retos, e os justos andarão neles, mas os transgressores neles cairão.”

E então, estamos andando no caminho do Senhor, ou caindo no caminho do Senhor?

Jesus é o caminho! Deus o enviou para que andemos Nele. Em João 14: 6 Jesus ensinou:

“Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.”

© 2014 Frontier Theme